Nuno Borges não aproveita set points e fica à porta da final do Maia Open

Nuno Borges não aproveita set points e fica à porta da final do Maia Open

Por Bola Amarela - dezembro 11, 2021
Sara Falcão/FPT

Ponto final na grande sequência de Nuno Borges. O número 228 do ranking ATP estava numa série de oito vitórias e procurava a segunda final consecutiva no circuito Challenger, mas viu Geoffrey Blancaneaux (283.º) ultrapassá-lo nas meias-finais do Maia Open.

A acusar algum desgaste físico, Borges perdeu com os parciais 7-6(3) e 6-0, ao cabo de 1h32, sendo que o maiato de 24 anos teve o primeiro set praticamente resolvido. Não só chegou a liderar por 4-2 como serviu a 6-5 e com 40-15. No entanto, perdeu quatro pontos consecutivos e seguiu para o tie-break, onde Blancaneaux se mostrou mais forte. Daí para a frente, Borges quebrou de vez e o francês nã olhou mais para trás, garantindo a sua primeira final Challenger da carreira.

Está, desta maneira, encontrada a final do Maia Open I, com Blancaneaux a medir forças com Chun-Hsin Tseng. Já para Nuno Borges ainda não se trata da despedida desta semana. É que o português volta mais tarde ao court com Francisco Cabral para discutir a final de pares diante de Gonçalo Oliveira Andrej Martin. No que diz respeito a ranking, Borges vai subir ao 210.º posto da hierarquia mundial masculina.

Bola Amarela