Antiga estrela júnior avança no Maia Open para a segunda final Challenger da carreira

Antiga estrela júnior avança no Maia Open para a segunda final Challenger da carreira

Por Bola Amarela - dezembro 11, 2021
Sara Falcão/FPT

Está encontrado o primeiro finalista do Maia Open. Chun-Hsin Tseng, atual 256.º classificado do ranking ATP, carimbou o lugar no encontro decisivo de um Challenger apenas pela segunda vez na carreira, depois de ter levado a melhor sobre Andrej Martin (120.º), que defendia o estatuto de 1.º cabeça-de-série no torneio português.

Tseng fechou com os parciais 6-4 e 7-5, pelo que vai à procura de conquistar o seu primeiro Challenger, isto depois de ter deixado fugir a final de Praga em 2019. Trata-se de um momento importante para o jovem taiwanês de 20 anos, ele que foi uma autêntica estrela no circuito júnior. Não só foi número um do mundo como conquistou Wimbledon e Roland Garros… e ainda perdeu na final do Australian Open, tudo em 2018.

À procura de se afirmar ao mais alto nível, espera tornar o Maia Open um momento marcante da sua carreira, sendo que agora fica à espera para conhecer o adversário na final. Vai sair do embate entre o português Nuno Borges (228.º) e o francês Geoffrey Blancaneaux (283.º).

Bola Amarela