Eis os 16 países que vão competir na ATP Cup... com uma nação de peso a ficar de fora

Eis os 16 países que vão competir na ATP Cup… com uma nação de peso a ficar de fora

Por Bola Amarela - novembro 25, 2021

Falta pouco mais de um mês para o arranque oficial da próxima temporada, com a ATP Cup a abrir as hostilidades na Austrália. Pois bem, é tempo de olhar para os países que se apuraram para esse evento que se vai disputar em Sydney, importando desde já lembrar a fórmula de qualificação. Não podia ser mais simples: o ranking do melhor jogador de cada nação é soberano para definir se essa seleção marca presença na prova ou não.

Nesse sentido, basta seguir a lógica do topo da classificação para perceber que por lá vão estar Sérvia, a campeã RússiaAlemanhaGréciaEspanhaItáliaNoruega Polónia, por exemplo. A estes oito juntam-se CanadáGrã-BretanhaArgentinaÁustriaSuíçaChileFrançaGeórgia Austrália. Este último país estará presente com um wild card por organizar a competição. Já a Suíça fica de fora devido à lesão de Roger Federer.

Ora, salta desde logo à vista uma baixa de enorme peso. Os Estados Unidos não se apuraram mesmo no limite, já que o georgiano Nikoloz Basilashvili é o 22.º do ranking ATP. Já os norte-americanos têm Taylor Fritz (23.º), John Isner (24.º) e Reilly Opelka (26.º), sendo que a média de classificações é obviamente mais forte do que a da Geórgia, cujo segundo melhor tenista é Aleksandre Metreveli, o número… 572 do mundo. Mas regras são regras e os EUA ficam de fora.

Bola Amarela