Derrota de Medvedev deixa número 1 de final de ano de Djokovic quase fechado

Derrota de Medvedev deixa Djokovic à beira de (mais) história

Por José Morgado - outubro 14, 2021
medvedev-djokovic

Daniil Medvedev foi derrotado esta quarta-feira nos oitavos-de-final do ATP Masters 1000 de Indian Wells e hipotecou quase na totalidade as suas chances de terminar 2021 na liderança do ranking mundial. O russo de 25 anos é o único que ainda tem chances de ultrapassar Novak Djokovic até ao final do ano, mas o resultado desapontante na Califórnia deverá confirmar que o tenista de 34 anos fechará o ano no topo, o que constituirá… um novo recorde.

Djokovic, vencedor dos três primeiros Grand Slams de 2021 e finalista no quarto, deverá fechar uma temporada no topo da classificação mundial pela sétima vez na sua carreira, um novo recorde, isolando-se de Pete Sampras, com quem divide esse recorde, com seis épocas cada. Roger Federer e Rafael Nadal, por exemplo, fecharam na liderança por cinco ocasiões.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.