Campeão italiano do Grand Slam a caminho? Barazzutti acredita que sim

Campeão italiano do Grand Slam a caminho? Barazzutti acredita que sim

Por Bola Amarela - janeiro 24, 2021
sinner

Poucos conhecem melhor o talento italiano de hoje em dia do que Corrado Barazzutti. O agora ex-capitão de Itália na Taça Davis deu uma longa entrevista na qual faz uma espécie de radiografia ao ténis transalpino. No entanto, o que salto logo à vista é a confiança do antigo número 7 do Mundo no que diz respeito ao facto de estar a caminho um novo campeão masculino em provas do Grand Slam. Para já, nessa lista estão apenas Nicola Pietrangeli e Adriano Panatta.

“Estou convencido de que o vamos conseguir. Berrettini já esteve nas ‘meias’ do US Open, que é o Slam mais competitivo. Sinner esteve nos ‘quartos’ em Paris, pondo Nadal em dificuldades em dois sets. O tempo está do lado deles. Tarde ou cedo, os fenómenos aparecem sempre. Sejam quem for estará lá para aproveitar”, aponta o experiente treinador.

Ainda assim, Barazzutti também aproveitou para analisar individualmente as grandes figuras do ténis italiano. A começar por Berrettini, por exemplo. “Já deu o salto e agora é um jogador top. É importante que possa ter feito a pré-temporada certa, sem contratempos físicos. Agora espero que o calendário lhe dê uma ajuda, ainda que seja relativamente novo na elite. Tem muita margem de melhoria”explica.

E quanto à coqueluche Jannik Sinner? “Treinar com Rafa em Adelaide será uma grande experiência, vai aprender muito com ele. Jannik enfrentou 2020 numa nova dimensão e lidar com a pressão fê-lo aprender muito. Agora, de repente, todos lhe pedem resultados imediatos, mas claro que vai passar por altos e baixos como todo o mundo”, destacou.

A finalizar, Barazzutti acredita que, no que diz respeito a Fabio Fognini, “ainda o vamos ver no seu melhor nível na terra batida porque ainda tem muito para dar”.

Bola Amarela