Polémica: De Minaur não queria jogar com Pedro Sousa na segunda-feira e arrasa organização

Por José Morgado - 13 janeiro, 2019

Alex De Minaur, de 19 anos, esteve em evidência este sábado a conquistar o ATP 250 de Sydney, na cidade onde nasceu, naquele que foi igualmente o primeiro título da sua carreira ao mais alto nível. O troféu de singulares foi conquistado depois de um sábado intenso, em que o jovem venceu os seus encontros de meias-finais e final em jornada dupla, pelo que ter alguns dias para descansar antes do Australian Open seria… o ideal.

Só que o ‘Demónio’, como gosta de ser chamado, ficou a saber este sábado que ia disputar a sua primeira ronda logo na segunda-feira, diante do português Pedro Sousa, apesar de ter pedido atempadamente para jogar apenas na terça. A organização preferiu colocar a parte do quadro de Roger Federer e Rafael Nadal na segunda-feira, arrastando consigo De Minaur.

O jovem… não gostou nada. “É bastante irritante que eu tenha de jogar na segunda-feira. Parece que estão a punir os tenistas australianos que chegam longe nos torneios do nosso país. Não deveria ser assim. Foi uma decisão bastante pobre a de não consultar os jogadores nem perceber quais de nós jogaríamos finais no sábado”.

Pedro Sousa será o adversário de De Minaur na primeira ronda do Australian Open, encontro para o qual o australiano terá apenas algumas horas para se preparar, uma vez que se disputa na segunda-feira às 4 horas da manhã de Portugal Continental. Sousa, por seu turno, está em Melbourne desde domingo e tem tido muito tempo para se adaptar.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.