Federer faz a melhor exibição dos últimos meses para arrasar Coric e está a uma vitória do título 100

Por José Morgado - 1 março, 2019

Roger Federer, número sete mundial e em busca do histórico 100.º título de singulares da sua carreira, garantiu esta sexta-feira uma chance de ouro para lutar por esse troféu, ao apurar-se pela 10.ª vez na carreira para a final do ATP 500 do Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, uma prova que já ganhou por sete vezes no passado, a última das quais em 2015.

Com uma exibição a roçar a perfeição — de longe a melhor do helvético de 37 anos em 2019 — e sem enfrentar qualquer ponto de break, Federer derrotou facilmente o jovem croata Borna Coric, que aos 22 anos segue no 13.º posto do ranking, por 6-2 e 6-2, em 1h08 de duelo. Federer havia perdido os seus últimos dois encontros diante de Coric, ambos bastante importantes, na final do ATP 500 de Halle e nas meias-finais do ATP Masters 1000 de Xangai, dois torneios em que o suíço costuma dominar.

Entre Federer — que para já sabe que vai voltar ao top 5 mundial na segunda-feira — e o seu 100.º título de singulares no circuito ATP está nada mais, nada menos do que o único homem a derrotá-lo em 2019: Stefanos Tsitsipas, número 11 mundial (vai entrar no top 10) e numa série de oito vitórias seguidas. Nos oitavos-de-final do Australian Open, o helénico ganhou em quatro sets e salvou todos os 12 (!) break points que enfrentou…

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.