WTA volta a ter um patrocinador principal pela primeira vez desde 2010

WTA volta a ter um patrocinador principal pela primeira vez desde 2010

Por Pedro Gonçalo Pinto - março 3, 2022
epa09711921 Ashleigh Barty of Australia celebrates after winning her Women’s singles semifinal against Madison Keys of the USA at the Australian Open Grand Slam tennis tournament at Melbourne Park, in Melbourne, Australia, 27 January 2022. EPA/DAVE HUNT AUSTRALIA AND NEW ZEALAND OUT

É preciso recuar a 2010 para encontrar a última vez que a WTA teve um patrocinador principal, mas isso muda agora em 2022. É que o circuito mundial feminino anunciou que passa a ser patrocinado pela Hologic, empresa de tecnológica médica que tem a saúde das mulheres como foco principal. O grande objetivo é promover o bem-estar e a igualdade das mulheres, pelo que vai ao encontro daquilo que a própria WTA também acaba por pretender.

“Hologic e a WTA unem-se com um propósito marcado e partilhado: ser defensoras pioneiras das mulheres”, disse Steve McMillan, presidente da Hologic. Já Micky Lawler, líder da WTA, partilhou essa felicidade, ao afirmar que o acordo surge no momento perfeito, revelando ainda que as receitas provenientes deste acordo serão ainda maiores do que aquelas que se verificaram quando a Sony Ericsson foi a parceira principal da WTA.

Nota ainda para o facto de o New York Times explicar que a rápida e forte resposta da WTA em relação ao que se passou – e passa – com Peng Shuai ter sido um dos fatores que mais chamou a atenção da Hologic para alcançar o acordo com a WTA.

  • Categorias:
  • WTA
Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.