Woodbridge: «Seria especial se Federer e Nadal terminassem com os mesmos Grand Slam»

Woodbridge: «Seria especial se Federer e Nadal terminassem com os mesmos Grand Slam»

Por Tiago Ferraz - outubro 14, 2020
federer nadal africa

Todd Woodbridge, um dos melhores tenistas de pares da história do ténis, deu uma entrevista ao Wide World of Sports, da Austrália, onde falou de Rafael Nadal e de Roger Federer.

O australiano, que elogiou a postura de Rafael Nadal na final do torneio de Roland Garros de 2020, revela um desejo para o final da carreira de Federer e Nadal, mas não vê Federer a conseguir manter o nível:

“Não tem a ver com a qualidade de jogo do Federer, tem a ver sim com o seu corpo e com o modo como alguém da sua idade pode ou não aguentar sete encontros de um Grand Slam. A parte real do seu jogo, a nível de bater na bola, é tão boa como sempre foi, mas o corpo já não recupera tão facilmente. Os anos que leva a competir com o Rafa e o Novak tornam tudo mais difícil. A verdade é que não espero que o Rafa se retire tão cedo, mas seria especial que Federer e Nadal terminassem com o mesmo número de Grand Slams. Penso que isso seria um grande testemunho da incrível rivalidade que Nadal e Roger tiveram. Era bom porque era sinal que nenhum deles era melhor do que o outro”, revela.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.