Woodbridge: «Dizia-se que Djokovic era favorito, mas Nadal teve domínio»

Woodbridge: «Dizia-se que Djokovic era favorito, mas Nadal teve domínio»

Por Tiago Ferraz - outubro 14, 2020
nadal

Todd Woodbridge, um dos melhores tenistas de pares da história do ténis, deu uma entrevista ao Wide World of Sports, da Austrália, onde falou de Rafael Nadal que tem 20 Grand Slams, os mesmos de Federer.

“Creio que a vitória de Rafael Nadal em Roland Garros é mais uma para juntar à lenda que ele é. Todos sabemos que em maio, com uma bola mais rápida e um court que se adapta ao seu estilo de jogo, ele vai estar na sua zona de conforto. Esta edição colocou Nadal perante grandes obstáculos e ele enfrentou-os. Conseguiu vencer o número um do mundo em um dos melhores encontros que já jogou. Poder ir a ir torneio e vencê-lo 13 vezes, conseguir estar em forma e ser capaz de fazer frente ao stress é algo inimaginável. Não acredito que haja nenhuma façanha desportiva igual (à de Nadal). Ele teve continuidade, longevidade e domínio”, revela, citado pelo Punto de Break.

Todd Woodbridge dá todo o mérito a Rafael Nadal porque, segundo o próprio, todos davam o favoritismo ao sérvio Novak Djokovic:

“Tudo apontava para que Novak Djokovic ganhasse este ano. Desde o início do torneio, o seu estado de forma, a mudança das bolas e tudo mais fizeram com que as pessoas pensassem em Novak como favorito, mas Rafa Nadal voltou a provar que tem uma atitude de aceitar os desafios e fazer o que tinha que fazer”, disse.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.