Verdasco: «Estive lesionado na quarentena e tenho que ter cuidado»

Verdasco: «Estive lesionado na quarentena e tenho que ter cuidado»

Por Tiago Ferraz - julho 31, 2020
Fernando-Verdasco-Rio-Open
Foto: Bruno Alencastro/ Bola Amarela

O tenista espanhol Fernando Verdasco falou da sua experiência no Ultimate Tennis Showdown, o louco torneio de Patrick Mouratoglou, e ainda da lesão que teve há pouco tempo.

“Tive uma lesão na perna durante vários meses. Pensei que iria recuperar durante a quarentena, mas quando voltei a treinar estava na mesma. Nesse sentido, perdi alguns meses do confinamento e outras seis semanas porque tive que parar. Não foi a situação ideal para mim. Os meus planos era poder treinar no máximo depois de estar dois meses de quarentena, mas a dor obrigou-me a parar durante seis semanas”, revela, citado pelo Punto de Break.

Fernand0 Verdasco falou ainda da participação no UTS:

“Não estava muito convicto de que poderia vir jogar. Foi uma decisão que tomei mesmo nos últimos instantes, há uns dias, junto da minha equipa técnica. Decidi tentar jogar e tendo em conta a forma como treinei e como estava o meu corpo decidi jogar. (…) No UTS tudo muda numa única pancada. Sentes essa pressão de que não podes falhar e isso é o que faz com que falhes mais e que jogues de um modo mais conservador. Ainda assim, o objetivo é que o torneio seja rápido e que se integra”, disse.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.