US Open: Brady continua a encantar e estreia-se nas 'meias' de um Grand Slam

US Open: Brady continua a encantar e estreia-se nas ‘meias’ de um Grand Slam

Por Tiago Ferraz - setembro 8, 2020
brady

A tenista norte-americana Jennifer Brady continua a encantar na edição de 2020 do US Open e já está nas meias-finais da prova depois de ter ultrapassado a cazaque Yulia Putintseva pelos parciais de 6-3 e 6-2.

O primeiro set foi quase de sentido único na medida em que Jennifer Brady roçou a perfeição, conseguiu dois breaks consecutivos, nos segundo e quarto jogos, e chegou ao 4-0.

Ainda assim, Putintseva não estava a fazer figura de corpo presente e reagiu ao devolver um dos breaks (4-1), servindo depois para o 4-2.

Até final do primeiro set, Jennifer Brady esteve tranquila, limitou-se a vencer os seus jogos de serviço e venceu mesmo a primeira partida com um parcial de 6-3 a seu favor.

No segundo set, Jennifer Brady voltou a entrar melhor, chegou ao break logo no jogo inicial (1-0) e serviu para o 2-0, mas foi surpreendida e viu Putintseva devolver a quebra de serviço pouco depois (2-2).

No quinto jogo, Jennifer Brady voltou a assumir a dianteira do set com mais um break (3-2) e desta vez não perdoou e chegou ao 4-2 para ficar a apenas dois jogos da vitória.

No sétimo jogo Brady voltou a fazer mais um break, chegou ao 5-2 e teve bola na mão para fechar o set e o encontro com um resultado de 6-2.

Nas meias-finais Jennifer Brady vai jogar com a vencedora do encontro entre Naomi Osaka e Shelby Rogers.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.