Treinador de Jack Sock faz revelação: «Pensou seriamente em acabar a carreira»

Treinador de Jack Sock faz revelação: «Pensou seriamente em acabar a carreira»

Por Bola Amarela - dezembro 29, 2021
sock

Hoje em dia no 145.º lugar do ranking ATP, Jack Sock luta para tentar voltar aos postos que outrora ocupou. Afinal de contas, falamos de um tenista que foi top 10, mas os maus resultados e as lesões acabaram por afundar completamente o norte-americano de 29 anos. Sock chegou mesmo a ficar sem ranking, algo que fez com que colocasse tudo em causa no que diz respeito ao ténis.

“O que aconteceu ao Jack Sock é algo muito comum no ténis. Há uma época em que consegues muitos pontos e no ano seguinte sentes a pressão. O primeiro erro foi relaxar depois de ter o melhor ranking no fim de 2017. Não treinou tão duro como devia e arrancou 2018 com derrotas inesperadas. A confiança desapareceu e foi um ano terrível. No início de 2019 lesionou-se e não trabalhou fisicamente durante seis meses. Quando voltou no fim do ano tinha peso a mais e aleijou-se nas costas”, apontou Alex Bogomolov, treinador do norte-americano.

Mas Bogomolov, ex-tenista, vai mais longe quanto a Sock. “Teve de recomeçar nos Challengers mas fisicamente nem estava a esse nível sequer. Quando perdeu todos os pontos pensou seriamente em acabar a carreira. Quando começámos a falar, não tinha treinador nem planos para voltar a competir. Tivemos a sorte de nos encontrar. Quando chegou ao top 10 era muito jovem e não tinha tido a pressão de ganhar sempre…”, referiu.

O que esperar agora para a nova época? Bogomolov mostra-se ambicioso. “2022 vai ser um grande ano para ele. Não posso dizer onde o vamos ver daqui a um ano, mas o primeiro objetivo é voltar ao top 100. O melhor que o Jack tem é que pode ganhar a qualquer jogador. O top 100 está ao alcance, mas para voltar ao top 10 vai precisar de muito mais do que em 2017. Há quatro anos nem sabe como lá chegou”, destacou.

Bola Amarela