Thiem surpreende e separa-se de Bresnik, treinador com quem trabalha há 16 (!) anos

Por Nuno Chaves - 11 abril, 2019

Depois da conquista em Indian Wells, a parceria entre Nicolas Massú Dominic Thiem revelou ser uma aposta de sucesso. Ainda assim, a entrada do chileno provocou uma decisão radical do austríaco.

Thiem anunciou que Gunter Bresnik já não é o seu treinador, pelo menos para a temporada de terra batida, depois de 16 anos de trabalho em conjunto. A decisão foi comunicada pelo próprio Thiem. “Estamos há 16 anos juntos. Possivelmente passou mais tempo comigo do que com a própria família e o mesmo se passa comigo. Somos como um matrimónio com momentos bons e maus. Vou estar os próximos meses com o Massú”, referiu.

“Quero o melhor para ele, seja comigo ou sem mim. O meu objetivo com ele sempre foi que pudesse ser independente e creio que nestes momentos, estar com o Massú é uma grande solução”, afirmou em declarações recolhidas pelo SportOrf.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.