Thiem reconhece: «Vai ser muito especial defrontar o Federer numa final Masters 1000»

Por Nuno Chaves - 17 março, 2019

Dominic Thiem derrotou Milos Raonic ao início da noite deste sábado e garantiu a qualificação para a final do ATP 1000 de Indian Wells, a mais importante da sua carreira em piso rápido.

O austríaco reconheceu as dificuldades do encontro mas realçou a capacidade em dar a volta à adversidade. “Sabia que ia ser um jogo muito complicado, já que todos sabemos que o Raonic é um dos jogadores com melhor serviço no circuito. Tinha no meu pensamento de que ia haver, pelo menos, um tie-break. Joguei muito bem em todo o encontro, sem cometer muitos erros não forçados e essa foi a chave”, confessou o número oito mundial.

Quanto ao encontro do título, Thiem vai defrontar Roger Federer“Jogar contra o Federer numa final de um Masters 1000 é muito especial. Vai ser a minha terceira num torneio desta categoria e ainda que as estatísticas sejam muito más nesta altura, vou tentar mudar a situação e conseguir um título tão valioso”, concluiu em conferência de imprensa.

 

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.