Thiem e o duelo épico com Nadal: «Dos melhores encontros da minha carreira»

Thiem e o duelo épico com Nadal: «Dos melhores encontros da minha carreira»

Por Tiago Ferraz - novembro 17, 2020
thiem-atpfinals

O tenista austríaco Dominic Thiem venceu, esta terça-feira, Rafael Nadal num encontro épico referente à segunda jornada do Grupo Londres e colocou-se em boa posição para chegar até às meias-finais das ATP Finals.

“Foi um grande encontro do primeiro até ao último ponto…Acho que tive muita sorte em conseguir vencer o primeiro set, tive 2-5 abaixo no tie-break e contra alguém como o Rafa é bom vencer o primeiro set como é óbvio, mas claro que ele deu 100 por cento do primeiro até ao último ponto e nesse sentido eu sabia que tinha alguma vantagem depois de vencer o primeiro set, mas tinha que me manter muito focado. Acho que todos os tenistas aqui presentes estão em excelente forma física e psicologicamente e por isso acho que vamos ver muitos bons encontros e tie-breaks como se viu hoje. Estou feliz”, salientou.

O tenista austríaco e número três mundial mostra-se satisfeito com o nível apresentado e revela a chave para vencer:

“Estou muito feliz com a forma como servi porque, muitas das vezes, quando coloco a primeira bola dentro, isso dá-me uma boa percentagem e hipótese de vencer o ponto e acho que hoje, quando estive em dificuldades no primeiro set e agora no final do segundo o meu serviço ajudou-me muito. Acho que esta (o serviço) é a pancada mais importante no ténis jogado indoor e por isso estou muito feliz”, referiu em entrevista à ATP após o final do encontro.

O tenista austríaco falou ainda do facto das ATP Finals serem jogadas sem público e espera que os tenistas estejam a dar “bom espetáculo” a todos os fãs (ainda que seja pela televisão):

“O ambiente aqui hoje foi surreal (não havia público), mas eu espero que nós possamos dar um grande espetáculo para as pessoas que nos veem pela televisão. Acho que estamos a pensar por momentos bastantes complicados, com confinamentos na maioria dos países assim como na Áustria desde esta terça-feira e nesse sentido espero mesmo que as pessoas possam aproveitar e tenham gostado do encontro e de certeza que quem viu este jogo em casa, pelo menos durante duas horas, esqueceu-se dos momentos complicados por que estamos a passar. Acho que é importante que nós, os tenistas, que somos uns privilegiados, possamos fazer tudo para proporcionar bons momentos e foi isso que aconteceu aqui nestas duas ou duas horas e meia”, referiu.

Já na sala de imprensa, Dominic Thiem admitiu mesmo que este terá sido um dos grandes duelos que se lembra de ter jogado:

“Foi, claramente, um dos melhores encontros que joguei ao longo da minha carreira. Foi muito parecido com o que aconteceu com Djokovic no ano passado. Jogamos ambos um ténis de nível excelente!”, ressalvou.

 

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.