Thiem diz que gosta de defrontar jogadores esquerdinos… excepto dois

Por Nuno Chaves - 14 setembro, 2019
dominic-thiem

Depois da doença contraída em Montreal, que o levou a não se apresentar bem fisicamente no US Open, Dominic Thiem está a jogar a Taça Davis… e já totalmente recuperado.

O número cinco mundial ajudou a Áustria esta sexta-feira na Taça Davis mas, antes desse duelo, recordou o último Grand Slam da temporada. “Estava muito cansado e com febre mas agora sinto-me bem, treinei durante a última semana. Gosto da Taça Davis e adoro os meus companheiros de equipa. É sempre bom estar com eles. Também adoro jogar pelo meu país e claro que preciso de jogar para ter um bom começo na última fase da temporada”, confessou Thiem em conferência de imprensa.

Thiem, que venceu Niklas Salminen, deixou também uma confissão interessante. “Nunca o vi jogar mas claro que conheço o seu nome e os seus resultados. Estou muito interessado em todos os torneios por todo o mundo. Gosto de jogar contra esquerdinos menos o Nadal e o Verdasco”, revelou.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.