Swiatek e a 'chave' do triunfo em Paris: «Utilizei técnicas de treino a nível mental»

Swiatek e a ‘chave’ do triunfo em Paris: «Utilizei técnicas de treino a nível mental»

Por Tiago Ferraz - outubro 15, 2020
swiatek-reaçao

A jovem tenista polaca Iga Swiatek surpreendeu o mundo do ténis ao vencer a edição de 2020 do torneio de Roland Garros, mas coloca água na fervura:

“O meu ténis não é perfeito. Por um lado os meus treinadores querem dar muito ênfase à parte física e dos meus treinos. Ainda não sei exatamente como vamos trabalhar o nosso próximo período de treinos. Sei que o meu corpo ainda não está preparado para suportar grandes cargas de treinos. Temos muito para melhorar e pessoalmente penso que preciso de ser melhor em cada aspeto do jogo”, revela.

Iga Swiatek disse que cada vitória era um desafio a nível mental:

“A confiança em mim mesma e a minha eficiência cresceu de encontro para encontro e cada vitória era um grande desafio mental. (…) As minhas expectativas antes de Roland Garros eram mais baixas do que o normal. Dei muito espaço a mim mesma, percebi que não sou uma tenista de classe mundial e que não tinha de ganhar todos os encontros”, salientou, citada pelo Punto de Break.

  • Categorias:
  • WTA
Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.