Schwartzman: «O meu objetivo é estar preparado quando o Big Three baixar o nível»

Schwartzman: «O meu objetivo é estar preparado quando o Big Three baixar o nível»

Por Nuno Chaves - setembro 22, 2020
diego-schwartzman

Diego Schwartzman já está em Paris para jogar em Roland Garros depois da derrota na final do ATP 1000 de Roma, frente a Novak Djokovic.

O argentino, que jogou pela primeira vez uma final Masters 1000, falou à ESPN sobre o seu atual momento. “Quebrei mais uma barreira. Chegar a uma final Masters 1000 é uma alegria para mim. Sinto que cresci. Para continuar a acrescentar no ranking tenho que ganhar nos quartos de final e meias-finais desses torneios”, explicou El Peque.

“Se quero dar outro passo tenho que repetir semanas como estas e sentir-me capaz de fazê-lo. O carinho que recebi e a repercussão que houve não deixa de me surpreender. Não é por humildade, mas sou um simples jogador de ténis e é uma alegria imensa que tanta gente goste do que faço”, admitiu.

Schwartzman falou ainda da possibilidade de repetir estas fases mais adiantadas, assim que o Big Three se retirar. “Eles há anos que ganham todos os torneios. À medida que os anos passam vão crescendo e ainda que não se note, porque ganham todos, está mais perto o momento onde vão baixar o nível, onde vamos ter mais oportunidades. Espero estar nessa lista quando eles começarem a baixar, o meu objetivo é estar preparado”, concluiu.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.