Rublev nem quer acreditar que derrotou Nadal: «Ainda estou em estado de choque»

Rublev nem quer acreditar que derrotou Nadal: «Ainda estou em estado de choque»

Por Bola Amarela - abril 16, 2021

Alguém que belisque Andrey Rublev. É que o russo ainda não caiu em si depois de levar a melhor diante de Rafael Nadal nos quartos-de-final do Masters 1000 de Monte Carlo. O número oito do ranking mundial conseguiu o impensável e resistiu numa batalha em terra batida, derrotando o rei da superfície de forma sensacional. Obviamente, estava sem palavras no final do encontro.

“Rafa é o melhor da história em terra batida, é uma lenda. Deve ser muito complicado ter a pressão de ganhar cada jogo que faz nesta superfície. Para mim era diferente, estava sem qualquer expectativa. Ainda estou em estado de choque”confessou o russo.

Então e esta foi a melhor vitória da carreira de Rublev? É melhor ‘ouvi-lo’. “Depende do ponto de vista. Se pensarmos que Rafa é o melhor jogador da história em terra, então seria certamente uma das melhores. Mas se vires o outro lado, de como se sentiu, é certo que não jogou ao seu melhor nível. É muito difícil quando as pessoas esperam que ganhes de certeza porque és o melhor em terra. É difícil saber que não podes perder porque és o melhor. A questão é que ele o faz ano após ano. Ganha todos os torneios e é assombrosa a forma como lida com isto”admitiu.

Sobre o encontro em si, Rublev nem sabe bem explicar o que lhe foi passando pela cabeça. “Era tudo estranho. Quando estava 6-2 e 3-1 pensei para mim que algo ia mudar e que aquilo não ia ser assim o jogo todo. Se fosse assim, Rafa tinha jogado o pior encontro da sua vida. De qualquer forma, quando perdi o set estava dececionado, embora tenha tentado aceitar e disse a mim próprio para jogar da mesma forma. Estou a controlar bem as minhas emoções e isso foi a chave”, destacou.

Bola Amarela