Quase imune à pandemia: Wimbledon teve mais de 50 milhões de lucro em 2021

Quase imune à pandemia: Wimbledon teve mais de 50 milhões de lucro em 2021

Por Bola Amarela - dezembro 26, 2021
Wimbledon
LONDON, ENGLAND – JULY 16: A general view of centre court as Roger Federer of Switzerland serves during the Gentlemen’s Singles final against Marin Cilic of Croatia on day thirteen of the Wimbledon Lawn Tennis Championships at the All England Lawn Tennis and Croquet Club at Wimbledon on July 16, 2017 in London, England. (Photo by Julian Finney/Getty Images)

Wimbledon foi o único torneio do Grand Slam a não ser realizado em 2020, até porque o facto de haver um seguro contra… pandemias ajudou a mitigar as perdas de não organizar um dos mais lendários eventos desportivos do Mundo. Ora, em 2021, o All England Club anunciou resultados extremamente positivos, com quase 52 milhões de euros de lucro.

Este desfecho aconteceu mesmo com limitações de lotação durante a primeira semana de competição, sendo que ficou 8 milhões de euros aquém do que se verificou na edição de 2019, a última ‘normal’. De qualquer das formas, o resultado é considerado positiva de forma esmagadora, especialmente tendo em conta que estamos a falar de um mundo a viver uma pandemia cheia de restrições.

A Lawn Tennis Association, a federação inglesa de ténis, vai regressar a maior parte das receitas, mas também foi anunciado um prémio de 25 milhões de euros por parte do Governo britânico. Tudo isto com o principal objetivo de reparar courts públicos e construir mais, de maneira a corresponder ao aumento do interesse na modalidade, que teve um pico depois de Emma Raducanu vencer o US Open.

Bola Amarela