Prodígio japonês passa qualifying do Miami Open com categoria

Prodígio japonês passa qualifying do Miami Open com categoria

Por José Morgado - março 24, 2021
mochizuki

Shintaro Mochizuki, jovem japonês de apenas 17 anos que venceu o torneio de juniores de Wimbledon em 2019 — e ainda se mantém como número dois mundial do escalão, atrás de Holger Rune –, aproveitou nos últimos dias da melhor maneira o wild card oferecido pela IMG (entidade que gere a sua carreira e que é a dona do Miami Open) para a fase de qualificação do primeiro Masters 1000 de 2021… e passou-o! Esta terça-feira, na ronda de acesso ao quadro, o atual número 654 ATP superou o equatoriano Emílio Gómez, 168.º, por arrasadores 6-1 e 6-2.

O jovem nipónico, no trilho dos feitos de Kei Nishikori e Naomi Osaka, vai assim jogar o quadro principal de um Masters 1000 pela primeira vez e de um ATP pela segunda, depois da derrota na primeira eliminatória do ATP 250 de Singapura, há cinco semanas, onde entrou como wild card.

Shintaro seguiu as mesmas pisadas de Nishikori, ao viajar para a academia de Nick Bolletieri ainda mais jovem do que o seu ídolo.

Mochizuki é uma das muitas caras conhecidas entre os qualifiers de Miami, juntando-se a nomes como Thanasi Kokkinakis, Mischa Zverev e Paolo Lorenzi.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.