Pandemia está descontrolada em Melbourne e infetados batem recordes

Pandemia está descontrolada em Melbourne e infetados batem recordes

Por José Morgado - janeiro 3, 2022
Tennis – Australian Open – Melbourne Park, Melbourne, Australia, February 8, 2021 Czech Republic’s Petra Kvitova in action during her first round match against Belgium’s Greet Minnen REUTERS/Asanka Brendon Ratnayake

A menos de duas semanas do arranque do quadro principal do Australian Open e numa altura em que Melbourne já vai recebendo por estes dias alguns dos melhores tenistas do Mundo em diferentes torneios ATP e WTA, a pandemia da covid-19 — em especial a variante Omicron — continua a fazer das suas num dos países que durante muito tempo foi dado como exemplo no que ao controlo do vírus diz respeito.

Esta segunda-feira, o estado de Victoria — do qual Melbourne é capital — registou um novo máximo de casos diários, com 8.577. As autoridades revelam que foram registados mais casos de covid-19 nos primeiros três dias de 2022 do que em todo (!) o ano de 2020, sendo que um em cada cinco testes PCR realizados estão a registar resultados positivos.

Os próximos dias vão revelar até que ponto é que o aumento de casos pode condicionar o normal funcionamento dos torneios na Austrália.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.