Nishikori está em quarentena intensa mas desdramatiza: «Temos de dar graça por haver torneio»

Nishikori está em quarentena intensa mas desdramatiza: «Temos de dar graça por haver torneio»

Por José Morgado - janeiro 19, 2021
nishikori

Kei Nishikori, ex-top 5 mundial e um dos jogadores favoritos do título no Australian Open, o Grand Slam da Ásia e Pacífico, desdramatizou esta terça-feira, num direto de Instagram, o facto de ser um dos 72 tenistas que está em quarentena total (sem poder treinar) durante os primeiros 14 dias em Melbourne, por ter vindo dos Estados Unidos no voo que tinha um par de casos de coronavírus.

“Estou bem, mas estou preocupado com o facto de ter de disputar a ATP Cup logo dois dias depois de terminar a quarentena. Tenho medo de me lesionar e de comprometer o Australian Open, mas estou a fazer os possíveis para jogar pois é muito importante para mim fazê-lo”, confessou o nipónico de 31 anos, antes de desdramatizar a situação da quarentena. “Temos de agradecer o facto de podermos competir. A covid-19 está a ser levada muito a sério aqui. Percebemos isso assim que chegámos ao aeroporto”.

Nishikori contou ainda como é o seu dia a dia em Melbourne. “Acordo às 9h00, treino duas horas, almoço e depois durmo a sesta. À tarde voltou a treinar. Tento fazer muitas coisas com raqueta para não perder o ritmo e sensibilidade. É aborrecido passar muito tempo no quarto. Tenho comido de pé para não me doerem as costas”, revelou.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.