Murray volta a mostrar-se ao nível dos melhores mas não resiste a Ruud em San Diego

Murray volta a mostrar-se ao nível dos melhores mas não resiste a Ruud em San Diego

Por Bola Amarela - outubro 1, 2021

Andy Murray persegue vitórias que lhe garantam cada vez mais confiança nesta tentativa de regresso ao mais alto nível. O britânico voltou a mostrar que tem capacidade para jogar olhos nos olhos com os melhores do mundo, mas tal não foi suficiente para ultrapassar Casper Ruud em San Diego. O norueguês foi mais sólido e mais forte, acabando mesmo por garantir o acesso aos quartos-de-final.

Ruud fechou uma bela batalha com os parciais 7-5 e 6-4, sendo que até foi o antigo número um do mundo quem entrou melhor, ao liderar por 3-1. No entanto, o 2.º cabeça-de-série recuperou e fez a diferença na reta final da primeira partida. Já no segundo set, Ruud parecia disparado para um parcial tranquilo, ao liderar por 4-1, antes de Murray reduzir para 4-3. Daí para a frente houve uma dança de quatro breaks e o favorito seguiu em frente para marcar duelo com Lorenzo Sonego.

A fechar a jornada, Grigor Dimitrov teve uma tarefa bastante mais fácil do que o previsto. Felix Auger-Aliassime desistiu e deu lugar ao lucky loser August Holmgren, dinamarquês que ocupa o 901.º posto do ranking ATP. Holmgren foi presa fácil e saiu em 56 minutos, por 6-1 e 6-1. Dimitrov vai agora defrontar o russo Aslan Karatsev na luta por um lugar nas ‘meias’.

Bola Amarela