Murray: «Se a vacina for obrigatória para competir, Djokovic vai tomá-la»

Murray: «Se a vacina for obrigatória para competir, Djokovic vai tomá-la»

Por José Morgado - novembro 26, 2020
murray-djokovic

Andy Murray, ex-número um do Mundo, não está preocupado com a necessidade de ser preciso uma vacina obrigatória para viajar para os mais diversos países do circuito mundial. O escocês de 33 anos acredita que todos os jogadores devem estar dispostos a tomá-la e que isso será importantíssimo para ajudar a ‘salvar’ o futuro da modalidade.

Sim, acho que deveria ser obrigatório. Espero que todos os jogadores estejam dispostos a fazê-lo, para o bem do nosso desporto, caso fique comprovado que tudo é seguro, que não há efeitos colaterais e que está comprovado. Pelo que ouvi, não parece que deva ter efeitos de longo prazo”, assumiu o bicampeão olímpico.

Murray falou diretamente sobre as conhecidas desconfianças de Novak Djokovic em relação à vacinação obrigatória. “É uma situação complicada, sim. Temos que esperar para ver o que o ATP e a ITF decidirão se esse momento chegar. Acho que se a vacina for obrigatória para voltar a competir, o Djokovic vai tomá-la. Estou confiante de que os jogadores vai tomar se isso significar que o ténis volta ao normal. “

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.