Murray sai em defesa de Raducanu: «Deixem a Emma ser quem ela é»

Murray sai em defesa de Raducanu: «Deixem a Emma ser quem ela é»

Por Pedro Gonçalo Pinto - junho 14, 2022

Se alguém sabe o que é lidar com a pressão e com altas expectativas desde muito cedo na carreira é Andy Murray. Logo a partir de tenra idade, o antigo número um do Mundo enfrentou o peso que era a crença do Reino Unido nas suas hipóteses, pelo que percebe perfeitamente aquilo por que Emma Raducanu está a passar nesta altura.

“Tem de haver respeito enntre o jogador e a imprensa. Eu também tive problemas no início da minha carreira, já que tiravam do contexto algumas coisas que dizia ou algumas brincadeiras tornavam-se grandes histórias e títulos, fazendo com que a relação fosse tensa e negativa”, começou por afirmar.

“Deixem a Emma ser quem ela é. Estou certo de que muitas dessas pessoas cometeram erros e disseram coisas que não deviam ter dito quando tinha 18 ou 19 anos. Aos desportistas acontece o mesmo, não a podem julgar de forma tão severa. Isso iria ajudá-la muito”, destacou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.