Mertens revela objetivos ambiciosos para a sua carreira a longo prazo

Mertens revela objetivos ambiciosos para a sua carreira a longo prazo

Por Tiago Ferraz - novembro 17, 2020
Elise-Mertens
Tennis – French Open – Roland Garros, Paris, France – May 31, 2019. Belgium’s Elise Mertens reacts during her third round match against Latvia’s Anastasija Sevastova. REUTERS/Benoit Tessier – UP1EF5V0WRANC

A tenista belga Elise Mertens, finalista em Linz na semana passada, deu uma entrevista ao site oficial WTA onde fala dos seus objetivos a longo prazo e das suas metas mais ambiciosas que pretende atingir na sua carreira e ainda da sua evolução como tenista.

“Melhorei muito o meu ténis, mas sinto que melhorei principalmente a nível mental e físico. Faço muito trabalho tanto dentro como fora dos courts. Isto é algo que me ajudou muito mesmo sobretudo nestes meses depois da paragem devido à Covid-19. Nesse sentido, consegui manter-me saudável e a bom nível. Fisicamente estive sempre preparada para os encontros mais longos e posso dizer que estou feliz. Cresci como jogadora de uma forma muito clara, mas é óbvio que podes sempre aprender mais e melhorar”, salientou.

Elise Mertens realça ainda o seu objetivo mais ambicioso, mas que considera difícil de vir a ser uma realidade:

“Penso que chegar ao top 10 é um passo muito difícil de conseguir tornar uma realidade. Há uma diferença muito grande de pontos até chegar ao top 10 e, nesse sentido, terei que dar um passo em frente e conseguir bons resultados se quiser um dia estar entre as 10 melhores do mundo”, revelou, citada pelo Punto de Break.

A tenista belga falou dos seus objetivos a curto prazo e já pensa na temporada de 2021:

“Nestes dias vou estar livre e vou até casa. A partir de terça-feira vou reiniciar os treinos e farei uma pré temporada de quatro semanas”, disse.

  • Categorias:
  • WTA
Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.