Medvedev termina fase de grupos com três vitórias: «Estar invicto dá confiança»

Medvedev termina fase de grupos com três vitórias: «Estar invicto dá confiança»

Por José Morgado - novembro 21, 2020
Medvedev
Daniil Medvedev in action against Diego Schwartzman during day six of the Nitto ATP Finals at The O2 Arena, London. (Photo by John Walton/PA Images via Getty Images)

Daniil Medvedev, número quatro mundial, venceu esta sexta-feira na última jornada da fase de grupos o argentino Diego Schwartzman (9.º ATP), por 6-3 e 6-3, em pouco mais de uma hora, confirmando-se como o único tenista a fechar a fase de grupos das ATP Finals de 2020 com três vitórias. Já o argentino, estreia-se na prova com três derrotas, precisamente como tinha acontecido com Medvedev no ano passado.

O russo de 24 anos está numa série de oito vitórias seguidas — depois de ter conquistado o ATP Masters 1000 de Paris, há duas semanas, — e está feliz com o seu momento de forma. “Joguei muito bem, como nos dois encontros anteriores. E estou a servir muito bem. É importante terminar invicto na fase de grupos, dá-me muita confiança. Hoje o serviço ajudou-me durante todo o encontro e puxou o resto do meu ténis para cima”, assumiu o russo, que terminou o encontro com apenas 14 pontos perdidos no seu saque.

Medvedev vai defrontar este sábado, às 20 horas, o espanhol Rafael Nadal. O russo perdeu todos os três encontros disputados diante de Nadal, mas os últimos dois foram super-equilibrados, na final do US Open e na fase de grupos destas mesmas ATP Finals, em 2019. “Adoro defrontar o Big Three. Quando comecei a jogar ténis, o Roger Federer ganhava tudo. Depois apareceu o Nadal, de seguida o Djokovic. É ótimo estar no mesmo court do que eles”.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.