Medvedev: «Custou-me muito mais perder a final do US Open 2019»

Medvedev: «Custou-me muito mais perder a final do US Open 2019»

Por José Morgado - fevereiro 22, 2021
medvedev-ausopen-final

Daniil Medvedev, vice-campeão do Australian Open e novo número três mundial a partir desta segunda-feira, confessou este domingo depois de perder a final em Melbourne que este desaire claro diante de Novak Djokovic lhe custou bastante menos do que a derrota na sua primeira final em Majors, no US Open 2019, quando caiu em cinco set diante de Rafael Nadal.

“Estou dececionado. Não gosto de perder. Tanto faz ser na primeira ronda de um torneio ATP 250 como na final de um Grand Slam. Nunca gosto de perder e quero sempre vencer. É claro que talvez custe mais perder a final de um Major, mas a verdade é que o Novak foi claramente superior neste encontro. Não joguei o meu melhor e ele sim. Por essa razão não fiquei com o troféu mais desejado”, assumiu em conferência de imprensa.

Medvedev, de 25 anos, falou depois dessa tal final do US Open 2019. Eu diria que a derrota no US Open doeu mais porque lá tive as minhas chances de vencer. Obviamente as duas derrotas doem, mas a única coisa que torna a outra pior é que ganhei dois sets e tive o Rafa nas cordas. Hoje, no meu melhor momento no jogo, não estava feliz comigo mesmo por causa da forma como tudo estava a acontecer. Senti que não importa o quão bem eu tenha jogado, era muito difícil ganhar o encontro.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.