Mamã Vesnina pensa em voltar: «Quero desfrutar do ténis outra vez»

Mamã Vesnina pensa em voltar: «Quero desfrutar do ténis outra vez»

Por Bola Amarela - janeiro 24, 2021
Russia’s Elena Vesnina returns the ball to Jelena Ostapenko of Latvia (unseen), during their match on the second day of the WTA Dubai Duty Free Tennis Championship at the Dubai Tennis Stadium on February 21, 2018. / AFP PHOTO / KARIM SAHIB (Photo credit should read KARIM SAHIB/AFP/Getty Images)

Em novembro de 2018, Elena Vesnina desligou-se do ténis para ligar um outro instinto mais forte: a maternidade. A russa foi mãe da pequena Elizaveta e não voltou à competição desde então, mas pensa cada vez mais nisso. Agora com 34 anos, a antiga número um mundial de pares – e 13.ª do ranking WTA em singulares – confessa que está a preparar esse regresso à ação com calma.

“Posso escolher os treinos que quero jogar e os hotéis onde fico. Não vou voltar porque tenho que o fazer, é porque tenho essa opção, mas não estou com pressa. Quero que tudo seja natural, que me faça feliz, desfrutar do ténis outra vez. É como se o ténis nunca tivesse saído de mim. É uma parte de mim que vou ter sempre cá dentro. Adorava ensinar ténis ao mundo e à minha filha o que a mamã sabe, embora ela já saiba que a mãe está a trabalhar para voltar!”, contou, numa entrevista ao ‘tennis.com’.

Mas em que momento é que Vesnina pensou em voltar? É até algo muito específicio. “Ficou gravado um conselho que Andrei Chesnokov me deu. ‘Sabes, Elena? Deixei de jogar quando tinha 31 anos, mas agora gostava de ter jogado durante mais tempo’. Ele retirou-se devido a uma lesão grave, mas disse-me que tinha sido melhor tentar do que nunca o ter feito. Tem razão. Não quero sentir essa tristeza mais à frente, de ser demasiado tarde”, apontou, ela que durante muito tempo não pensou em voltar.

  • Categorias:
  • WTA
Bola Amarela