Kyrgios aconselha os mais novos: «Devia ter ouvido mais os meus pais quando tinha a vossa idade»

Por Nuno Chaves - 20 março, 2019

A edição de 2019 do Miami Open promete ser inesquecível e ir muito além dos courts de ténis. A organização tem organizado várias ações com alguns dos melhores jogadores do mundo com crianças, de modo a tentarem inspirá-las para o futuro. Quem marcou presença foi Nick Kyrgios, que deixou um discurso inspirador.

O australiano deu o seu exemplo e falou da importância de se dar ouvidos à família. “Oxalá tivesse ouvido mais os meus pais quando tinha a vossa idade. Teria entendido a vida muito melhor e decisões que me doeram no momento, seriam mais construtivas”, confessou Kyrgios, que deu um exemplo da sua juventude.

“Quando tinha 14 anos, disseram-me que devia deixar o basquetebol e dedicar-me ao ténis. Custou-me muito porque o basquetebol era a minha grande paixão. Parece uma estupidez, mas se me tivesse deixado aconselhar e me tivesse interessado mais pela minha família, as coisas tinham sido diferentes”, concluiu o tenista de 23 anos que esteve acompanhado de jogadores como Stefanos TsitsipasKei NishikoriMarin Cilic.

 

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.