João Souza garante estar inocente e vai recorrer para o Tribunal Arbitral do Desporto

João Souza garante estar inocente e vai recorrer para o Tribunal Arbitral do Desporto

Por Nuno Chaves - janeiro 26, 2020

João Souza, jogador brasileiro que foi banido da modalidade devido a esquemas relacionados com apostas, anunciou que vai recorrer da decisão da TIU (Unidade de Integridade do Ténis).

O atleta diz-se inocente e vai agora passar este caso para o Tribunal Arbitral do Desporto para tentar alterar o rumo dos acontecimentos.

O advogado de ‘Feijão’, numa conversa com o Saque e Voleio explicou que Souza sempre procurou colaborar e que nunca participou em qualquer esquema de manipulação. “O Feijão, na primeira vez que foi abordado por um agente da TIU, ele entregou imediatamente o telefone. Tudo o que a TIU pediu: extratos bancários, password do Facebook. Essa afirmação é absurda. Ele nem questionou. Isso não é atitude de quem praticou algum ato de corrupção”, explicou Assef Filho.

O advogado confessou, depois, que Souza deixou de colaborar com a TIU… mas havia uma razão. “Ele não disse nada porque tinha medo. Ele já ouviu falar de tanta história. Há factos, há precedentes que são muito maus, por isso, ficou com receio e preferiu não reportar”, disse.

Sobre o facto de não ter dado o máximo em alguns jogos, o advogado garantiu que isso aconteceu em jogos de pares e devido ao facto de não ter tanta motivação, por já ter sido eliminado na variante de singulares… e por estar a atravessar problemas pessoais.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.