João Sousa dá passo atrás e inscreve-se em dois Challengers depois do US Open

João Sousa dá passo atrás e inscreve-se em dois Challengers depois do US Open

Por Bola Amarela - agosto 17, 2021
JoãoSousa
Treino Tenis Joao Sousa Ariake Tennis Center Toquio Jogo Olímpicos Toquio 2020

Sem competir desde os Jogos Olímpicos, João Sousa, atualmente 149.º classificado do ranking ATP, viu a classificação impedir a participação em quadros principais – e até vários qualifyings – nos torneios do ATP Tour. Nesse sentido, optou por ficar parado e agora segue-se a fase de qualificação do US Open, onde tem entrada tal como Pedro SousaFrederico Silva Gastão Elias. No entanto, com o ranking mais baixo que ocupa nesta altura, decidiu dar um passo atrás e definiu o que aí vem depois de Flushing Meadows.

O vimaranense, melhor português de sempre e antigo 28.º do mundo, inscreveu-se em dois torneios do circuito Challenger. Falamos de competições em Maiorca e Cassis, sendo que João Sousa tem um único Challenger disputado desde 2013, a última vez que havia pisado o circuito secundário. Nesse caso, falamos do torneio de Antalya, que jogou no arranque de 2021, perdendo na primeira ronda para o eventual campeão Carlos Taberner.

Agora, Sousa surge na lista principal de Maiorca, onde figuram jogadores como Taro Daniel, Botic van de Zandschulp, Fernando Verdasco ou Tomas Machac, carrasco nos Jogos Olímpicos, sendo que o português é o 9.º melhor colocado. Já em Cassis está mais abaixo na hierarquia, com James Duckworth, Benjamin Bonzi, Pierre-Hugues Herbert, Lucas Pouille Christopher O’Connell, por exemplo, a preencherem o torneio. Sousa vai à procura de pontos precisos para voltar a escalar o ranking aos 32 anos e continuar a lutar.

Bola Amarela