Haas faz a sua previsão para o regresso de Federer e garante: «Ele continua a ter fome de vencer»

Haas faz a sua previsão para o regresso de Federer e garante: «Ele continua a ter fome de vencer»

Por Nuno Chaves - outubro 14, 2021

Roger Federer, de 40 anos, continua a recuperar de mais uma operação ao joelho e o seu regresso ao circuito é uma autêntica incógnita.

Na Laver Cup, o tenista suíço esteve nas bancadas a dar o seu apoio e ninguém ficou indiferente ao facto de estar a usar muletas, ainda assim, não é por isso que o próprio está menos feliz.

Quem o garante é Tommy Haas, amigo chegado do helvético. “O Roger está contente. Não tem motivos para não estar. Ele sabe e, por isso, está muito agradecido. Ama a vida mas continua a ter ‘fome’. Ele está à espera para voltar. Ele quer acabar a carreira quando decidir que tem de ser e quando disser a si mesmo que não lhe apetece mais ou se estiver a perder demasiado cedo”, explicou o antigo top 5 mundial, em entrevista ao L’Equipe.

No último encontro de Federer, o ex-líder ATP perdeu com um claro 6-0, no quarto set dos quartos de final de Wimbledon, frente a Hubert Hurkacz. Haas percebeu logo que algo não estava certo e deixou uma garantia para a edição de 2022.

“Em Wimbledon viu-se que estava um pouco lesionado e que não se mexia tão bem como costuma. Tenho 100% de certezas de que o seu objetivo é esse torneio. Vai fazer tudo o que estiver nas suas mãos para voltar e chegar mais longe que esses quartos de final”, referiu o atual diretor de Indian Wells.

O alemão até deu um prognóstico quanto ao regresso de Federer. “Tudo depende de como se sentir fisicamente. Talvez o vejamos de volta em março, abril ou maio”, concluiu.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.