Gonçalo Oliveira novo elemento do top 100 ATP perde final de pares em Shenzhen

Gonçalo Oliveira novo elemento do top 100 ATP perde final de pares em Shenzhen

Por Pedro Almeida - março 17, 2019

Já com a garantia de que vai entrar pela primeira vez no top 100 do ranking ATP de pares, figurando no 99.º posto esta segunda-feira, Gonçalo Oliveira foi derrotado este domingo na final de duplas do torneio challenger de Shenzhen, na China, dotado de 81 mil euros em prémios monetários e no qual fez formação com o chinês Zhe Li.

A defrontarem os primeiros cabeças de série da competição, Gonçalo Oliveira e Zhe Li estiveram perto do triunfo, mas acabaram derrotados por Cheng-Peng Hsieh, oriundo de Taipé, e o indonésio Christopher Rungkat, pelos parciais de 6-4, 3-6 e 10-6 no match tiebreak, ao cabo de 71 minutos.

“Obrigado Tiger e à tua equipa por estas excelentes semanas na China. Espero que venham mais destas em breve. Um agradecimento especial também ao meu pai. Sem ele nada disto seria possível”, escreveu o portuense de 24 anos, que é treinado pelo pai Abílio Oliveira, na sua conta oficial do Instagram,

Na próxima semana, Gonçalo Oliveira vai manter-se em solo chinês, mais concretamente em Zhangjiagang, mas terá outro parceiro na competição de pares: o australiano Akira Santillan. Em singulares, na primeira eliminatória encontra o jogador local Yibing Wu, de 19 anos e 307.º ATP.

Pedro Almeida
Jornalista - licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade Autónoma de Lisboa - e amante de ténis desde sempre e para sempre.