Garcia e o regresso à seleção dois anos depois: «Não preciso de ser amiga delas para jogarmos juntas»

Por José Morgado - 4 fevereiro, 2019

Dois anos depois de dizer que a Fed Cup não era uma prioridade, Caroline Garcia, uma ex-top 10 agora longe dos seus melhores dias, decidiu aceitar o convite de Julien Benneteau, novo selecionador, para voltar à equipa gaulesa da Fed Cup. Garcia vai competir na eliminatória da primeira ronda diante da Bélgica, ao lado de Kristina Mladenovic e Alizé Cornet, com quem praticamente… não fala.

“Sempre disse que a minha ausência seria algo temporário e agora estou de volta. Somos adultas e sabemos gerir a situação. Isto é uma seleção, não temos de ser amigas para ganhar. As relações pessoais não têm nada a ver com o ténis”, assegurou em declarações ao ‘L’Equipe’ Garcia, que ainda assim admite que será “estranho” reencontrar as colegas de seleção no primeiro dia de estágio.

 

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.