Frederico Silva não aproveita vários break points e falha quadro principal em Acapulco

Frederico Silva não aproveita vários break points e falha quadro principal em Acapulco

Por Nuno Chaves - março 16, 2021
frederico-silva

Frederico Silva, a ter o melhor início de temporada ao mais alto nível da carreira, ficou às portas do quadro principal do ATP 500 de Acapulco.

O tenista das Caldas da Rainha foi eliminado na ronda decisiva do qualyfing por Lorenzo Musetti, número 120 do mundo e um dos maiores prodígios do circuito, pelos parciais de 6-4 e 6-2, após pouco mais de 1h30 minutos de jogo.

Esta partida ficou marcada pelo aproveitamento dos break points. Frederico Silva durante todo o duelo dispôs de sete oportunidades para quebrar o saque do italiano, seis no primeiro parcial (quatro delas ao quarto jogo do set, quando vencia por 2-1) e uma no segundo, no entanto, não conseguiu concretizar qualquer dessas chances. Já Musetti, em quatro break points, levou a melhor em três deles.

Apesar da derrota, fica uma prestação digna de Kiko no México, naquele que é um dos tradicionais ATP 500 mais fortes do circuito. Portugal fica sem representantes na competição.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.