Federer desvaloriza derrota: «Agora é como um torneio normal, não posso voltar a perder»

Por Nuno Chaves - novembro 11, 2019
Foto: EPA/WILL OLIVER

Roger Federer, número três mundial, realizou uma exibição cinzenta na sua estreia das ATP Finals 2019 e saiu derrotado frente a Dominic Thiem, naquele que foi o seu terceiro desaire do ano frente ao austríaco em três jogos.

O suíço, no final da partida passou pela sala de conferências de imprensa, desvalorizou a derrota. “Agora é como um torneio normal: se quero continuar vivo, não posso voltar a perder. É assim em cada semana do ano durante as últimas duas décadas, por isso, não há nada de novo”, confessou o helvético de 38 anos.

Sobre o jogo com Thiem. “Penso que ele jogou bem. O início definitivamente que não ajudou. Isso fez ficar-me para trás, mas recuperei bem e depois disso, o jogo foi bonito durante um bom bocado. Tive as minhas oportunidades. Nunca me senti mal em nenhum momento. O Dominic também salvou muito bem as minhas chances quando tinha de fazer. Os meu jogo não foi suficientemente bom”, explicou.

Recorde-se que Federer regressa à O2 Arena esta terça-feira para defrontar Matteo Berrettini, num encontro onde só a vitória interessa.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.