Djokovic sem dúvidas: «Não ganhei o US Open mas conquistei algo muito maior»

Djokovic sem dúvidas: «Não ganhei o US Open mas conquistei algo muito maior»

Por Bola Amarela - dezembro 29, 2021
djokovic-finalista

Um dos momentos mais duros da temporada para Novak Djokovic chegou no US Open, onde o número um do mundo deixou escapar a oportunidade de conquistar o Grand Slam de calendário, tornando-se no segundo homem da história a alcançar esse feito. O sérvio perdeu a final frente a Daniil Medvedev, mas a verdade é que nem olha para esse momento como algo negativo.

“Quando entro em court para jogos importantes, não sou o favorito no coração dos espectadores. Ia preparado para isso, para esse ambiente. Mas pude ver como quase todo o estádio estava do meu lado. Senti isso mal entrei no court. Não esperava de maneira nenhuma e apanharam-me desprevenido. Estes diferentes estados emocionais tiveram muita influência no meu nível de jogo na final”, confessou Nole em entrevista ao L’Équipe.

Foi precisamente por esse motivo que saiu de Flushing Meadows em lágrimas e com o coração cheio. “Na rua, as pessoas vinham ter comigo a consolar-me e a dizer que eu tinha sido tudo para eles. Foi… Wow! Não ganhei o US Open no court, mas conquistei algo muito maior, esta ligação com as pessoas. Nunca tinha experimentado isto em Nova Iorque”, considerou.

Por outro lado, Djokovic analisou o que se passou dentro de campo frente a Medvedev. “Ele foi enormemente claro com a sua tática de jogo, executou-a de maneira maravilhosa. Sinceramente, não me deu muitas oportunidades. Perdi o meu serviço no início do encontro e foi logo muito difícil recuperar, ele serviu muito bem. Estive sempre por trás do marcador, além da pressão já tinha. Durante toda a minha carreira lidei com a pressão, mas ali não consegui”, rematou.

 

Bola Amarela