Djokovic ou Nadal? Aliassime revela por quem vai torcer no grande duelo em Roland Garros

Djokovic ou Nadal? Aliassime revela por quem vai torcer no grande duelo em Roland Garros

Por Nuno Chaves - maio 29, 2022

Felix Auger-Aliassime fez uma das melhores exibições da carreira em terra batida, ainda assim, não foi suficiente para derrubar Rafa Nadal nos quartos de final de Roland Garros após uma batalha incrível de mais de 4h15 minutos de jogo. O canadiano passou, mais tarde, pela sala de conferências para analisar este encontro que é, até ao momento, um dos melhores da edição de 2022.

DIFICULDADE EM DEFRONTAR NADAL EM ROLAND GARROS

É preciso muito esforço, muita concentração. Perdi um pouco a minha ordem de jogo, perdi as minhas intenções em certos momentos. Apesar de tudo lutei para voltar à luta quando foi necessário. Mostrei coisas positivas que me vão ajudar para o futuro. Não notei que ele tivesse dores no pé mas não tenho a certeza. A um nível alto tentamos esconder o que sentimos. Tentamos esconder o cansaço ou problemas físicos. Se lhe doía o pé, não mostrava mas com os anos é difícil para ele. Já não tem 22 anos, por isso, não pode sentir-se totalmente fresco.

DIFERENÇA DOS GRAND SLAMS PARA O OUTROS TORNEIOS

Tens de ganhar sete encontros para chegar ao título. É muito tempo, duas semanas. Não são só uns dias que precisas de estar bem. Tens de ser capaz de descansar quando precisas e depois chegar ao encontro, jogar bem e ser consistente. O meu objetivo é jogar a uma grande intensidade durante cinco sets. É difícil mas estou na direção certa. É a primeira vez que chego aqui à segunda semana, por isso, foi uma boa demonstração, uma boa experiência. Espero que no próximo ano possa ir ainda mais longe.

POR QUEM TORCE? NADAL OU DJOKOVIC?

Desejo o melhor ao Rafa, tenho muita admiração por tudo o que já fez. É alguém de quem gosto particularmente, por isso, desejo-lhe o melhor para o próximo encontro. Será difícil pela duração do encontro de hoje. O Rafa vem aqui para ganhar o torneio. Será um esforço monumental para ganhar mas o Rafa e o Novak estão habituados, por isso, vão dar tudo para chegar ao final. Será uma grande batalha.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.