Djokovic: «Concordo que as bolas são pesadas, mas é preciso ver que estamos no outono»

Djokovic: «Concordo que as bolas são pesadas, mas é preciso ver que estamos no outono»

Por José Morgado - setembro 27, 2020
djokovic

Novak Djokovic, número um do Mundo e campeão de Roland Garros em 2016, acredita que voltará a conquistar o Grand Slam francês em 2020, numa edição especial disputada numa fase diferente do ano e com condições de jogo totalmente distintas. As novas bolas Wilson têm sido um dos temas do pré-torneio e Djokovic, para muitos um dos mais beneficiados por estas condições, desvaloriza o impacto da mudança.

“É a primeira vez que jogamos com bolas Wilson na terra batida. Concordo que as bolas são pesadas, mas é preciso ver que estamos no outono, está mais frio e já sabíamos que as condições iam ser totalmente distintas. As condições mais frias e húmidas também afetam a bola. Por isso é difícil dizer o quão importante é a bola para as condições que já por si são diferentes daquilo que é habitual”, confessou o sérvio de 33 anos.

Djokovic vai estrear-se na terça-feira em Paris, defrontando na primeira ronda o jovem sueco Mikael Ymer, número 80 do ranking ATP, de 22 anos.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.