Diretor do Australian Open reage à desistência de Federer: «Queremos ver-te em 2022»

Diretor do Australian Open reage à desistência de Federer: «Queremos ver-te em 2022»

Por José Morgado - dezembro 28, 2020
tiley-federer

O Australian Open confirmou esta segunda-feira de manhã (na Austrália) a desistência de Roger Federer do primeiro Grand Slam de 2021. Craig Tiley, diretor da prova e homem forte da federação local, revelou ter falado com o suíço de 39 anos e espera que este volte à Austrália para jogar o torneio em 2022.

“O Roger acabou por não ter tempo para se preparar de forma rigorosa para jogar um Grand Slam e está desapontado por não ir a Melbourne em 2021. O Australian Open tem um lugar especial no coração do Roger. Foi ele o primeiro a chamar-nos de Happy Slam. Queremos o melhor para ele e para o regresso aos courts mais tarde na temporada e estamos ansiosos por vê-lo em Melboure em 2022”, disparou Tiley, em comunicado.

Com a desistência de Federer, Pedro Sousa, português de 32 anos, entrou diretamente no quadro principal do Happy Slam australiano.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.