Cori Gauff: «Só metem jogos masculinos no horário nobre»

Por Patrícia Oliveira - outubro 8, 2019
gauff-wimbledon
Tennis – Wimbledon – All England Lawn Tennis and Croquet Club, London, Britain – July 3, 2019 Cori Gauff of the U.S. celebrates winning her second round match against Slovakia’s Magdalena Rybarikova REUTERS/Carl Recine – RC1BF40130D0

Em entrevista à Vogue Magazine, Cori Gauff, aproveitou para falar sobre as diferenças no ténis masculino e feminino.

A tenista norte-americana de 15 anos, que surpreendeu tudo e todos ao chegar aos quartos-de-final de Wimbledon, acredita que deve haver paridade na programação das partidas: “no horário nobre, metem sempre jogos masculinos. Lembro-me que, quando era mais nova, ficava confusa porque só via o Federer a jogar.” E acrescenta que “colocavam Serena e Venus às vezes, mas outra mulher não.”

Cori Gauff afirma também que está entusiasmada com a próxima edição de Wimbledon e que “toda a gente tem um grande sonho. Há muitas pessoas que têm medo de segui-lo. Eu sou apenas um exemplo para seguirem em frente e lutarem por isso. No ténis a pior coisa que pode acontecer é perder.” 

A jovem tenista está agora nos oitavos-de-final do WTA de Liz, depois de entrar para o lugar de Maria Sakkari que desistiu.

  • Categorias:
  • WTA
Patrícia Oliveira