“Carlos Ramos e Serena Williams vão reencontrar-se”, garante presidente da ITF

Por José Morgado - 14 dezembro, 2018

Pouco mais de três meses depois da polémica entre Carlos Ramos e Serena Williams, David Haggerty, presidente da Federação Internacional de Ténis, voltou a falar da polémica final do US Open. O norte-americano, que dirige a entidade que saiu em defesa — ainda que tarde — do português, lembrou citado pelo ‘Metro’ que os dois protagonistas vão ter de se reencontrar.

“O caso já passou e os dois tiveram tempo para pensar naquilo que aconteceu. A Serena Williams vai jogar o Australian Open e o Carlos também vai lá estar como membro da equipa de arbitragem e certamente que lhe serão atribuídos encontros de elite”, confessou Haggerty, que ainda assim admite a possibilidade de o Australian Open optar por não colocar Ramos nos encontros de Williams. “É possível que isso seja tido em conta, mas não sei se terão isso em mente. Conto que ela seja mais arbitrada por mulheres”.

Haggerty voltou a elogiar Carlos Ramos. “Ele seguiu as regras. Fez o que tinha de fazer tal como defendemos logo após o incidente. Penso que todos os envolvidos na questão refletiram sobre o que aconteceu. Nós na ITF defendemos os nossos árbitros”.

Serena Williams e Carlos Ramos até podem encontrar-se já na Hopman Cup. Serena vai competir pelos Estados Unidos ao lado de Frances Tiafoe e Ramos é um dos juízes que habitualmente dirige encontros em Perth.

  • Categorias:
  • WTA
José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.