Boris Becker deixa cargo diretivo na Federação Alemã

Boris Becker deixa cargo diretivo na Federação Alemã

Por Tiago Ferraz - novembro 25, 2020
Boris-Becker

O antigo número um mundial Boris Becker já não é o diretor do Ténis Masculino da Federação Alemã e deixa o cargo mais de três anos depois de ter começado a aventura.

Boris Becker começou a trabalhar na Federação Alemã depois de deixar a parceria que tinha com o número um mundial Novak Djokovic e ultimamente o alemão tem sido notícia mais no âmbito extradesportivo do que propriamente ligado ao mundo do ténis.

Recorde-se que Boris Becker pode vir a ser condenado a pena de prisão depois de, alegadamente, o próprio ter ocultado património monetário para poder declarar bancarrota em 2017 para não pagar as dívidas que alegadamente tem depois de ter sido declarado falido em 2017.

Recorde aqui algumas das dívidas que o germânico tinha para liquidar o que fez com que Boris Becker tivesse que vender alguns dos artigos mais valiosos que tinha na sua posse como, por exemplo, relógios e troféus que o próprio venceu ao longo da sua carreira.

Viaje connosco no mundo daquele que é considerado por muitos como um dos melhores tenistas de todos os tempos: veja aqui a história de Boris Becker.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.