Becker defende Djokovic: «O mundo do ténis divide-se entre fãs de Federer e Nadal»

Becker defende Djokovic: «O mundo do ténis divide-se entre fãs de Federer e Nadal»

Por Tiago Ferraz - setembro 8, 2020
boris-becker

O antigo tenista alemão Boris Becker defendeu o seu antigo pupilo Novak Djokovic já depois da desqualificação do sérvio da edição de 2020 do US Open.

“Foi uma situação muito infeliz. Teve muito azar. Não o fez de forma intencional, mas não cumpriu as regras. A sua desqualificação foi correta. Regras são regras. Estou convicto que depois do que aconteceu ele ficou triste e arrependido, talvez um bocado envergonhado, mas claro que vai voltar ao trabalho dentro de uns dias para preparar Roma e Roland Garros”, disse, citado pelo Punto de Break.

Boris Becker falou ainda do facto de o mundo do ténis estar dividido entre os fãs de Roger Federer e os de Rafael Nadal sendo que, na sua opinião, Djokovic só se juntou ao grupo mais tarde:

“Penso que o mundo do ténis está dividido entre os fãs de Nadal e de Federer. Djokovic chegou depois e juntou-se à festa. O Nole não gosta que o critiquem, ninguém gosta aliás. É alguém que ajuda muita gente com a sua fundação e as pessoas não falam disso. Falam dele como se fosse uma pessoa que não é. É um campeão com uma grande atitude e acho que as pessoas têm uma visão errada acerca dele”, salientou.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.