Becker: «Assobios do público? Djokovic sempre foi um lutador de rua»

Becker: «Assobios do público? Djokovic sempre foi um lutador de rua»

Por Bola Amarela - janeiro 11, 2022

A popularidade de Novak Djokovic na Austrália não está propriamente em níveis muito agradáveis para o sérvio, tendo em conta toda a polémica que se tem desenrolado nos últimos dias. No entanto, Boris Becker, antigo treinador do número um do mundo, acredita que isso não vai fazer diferença quando chegar a altura de pisar o court em Melbourne Park para ir à procura de mais um título.

“Tenho a certeza de que vai haver uns assobios e vaias, mas ele está habituado. Djokovic sempre foi um lutador de rua que teve de lutar contra as probabilidades e ganhar o público. Foi fascinante ver que na final do US Open no ano passado finalmente abraçaram-no”, disse o alemão à BBC. “O público vai ser duro com ele, mas a cada encontro que começar vai ganhar os adeptos. Mas vai ter uma primeira semana difícil”, garante.

Complicada também está a ser, naturalmente, a preparação para duas semanas de ténis intenso, se sempre se confirmar que poderá competir. “Djokovic ainda está chocado com os últimos seis dias. É um jovem notável, o seu espírito é melhor. Foi treinar à meia noite, é simplesmente essa a pessoa que ele é. É um tipo diferente. Vê o mundo com outros olhos. Podes não concordar em tudo com ele, mas há que respeitá-lo. E claro que a sua preparação é para lá de má. Ele nunca esteve numa posição tão má antes de um Grand Slam”, destacou.

Bola Amarela