Andy Murray regressa à ação com reviravolta vitoriosa num Challenger

Andy Murray regressa à ação com reviravolta vitoriosa num Challenger

Por Bola Amarela - fevereiro 9, 2021
andy-murray

Com a participação no Australian Open negada por ter testado positivo à Covid-19 antes de viajar para Melbourne, Andy Murray estreou-se esta temporada com uma vitória. O antigo número um do mundo, agora 125.º ATP, está a disputar o seu primeiro de dois torneios do circuito Challenger em Biella, Itália, mas teve de se aplicar para ter o direito de festejar.

Sólido a jogar na linha de fundo, mas ainda sem a explosão e agressividade de outros tempos, o tenista de 33 anos foi obrigado a lutar para a volta ao alemão Maximilian Marterer (203.º), acabando por triunfar com os parciais 6-7(3), 6-2 e 6-3, ao cabo de 2h11. Tratou-se do primeiro encontro oficial de Murray em quase quatro meses, depois de ser eliminado à primeira no ATP 250 de Colónia.

O serviço acabou por ser uma arma importante para o britânico, visto que não permitiu qualquer ponto de break a Marterer. No entanto, não conseguiu aproveitar nenhuma das duas oportunidades para quebrar o germânico na primeira partida e foi ultrapassado no tie-break. Tudo mudou daí para a frente, com a consistência do 1.º cabeça-de-série a fazer a diferença. De forma natural, descolou na segunda partida e fez o break decisivo a 3-3 no terceiro set, para enorme entusiasmo do público eufórico nas bancadas.

Com a primeira vitória da época no bolso e vários momentos muito positivos neste encontro, Murray vai agora defrontar o italiano Gian Marco Moroni (234.º) na segunda ronda, enquanto procura somar pontos para voltar a escalar no ranking. Recorde-se que o ex-líder da hierarquia mundial masculina vai voltar a competir em Biella na próxima semana.

Bola Amarela