Amnistia Internacional alerta para que o COI não lave a imagem da China no caso Peng

Amnistia Internacional alerta para que o COI não lave a imagem da China no caso Peng

Por José Morgado - novembro 22, 2021

A Amnistia Internacional, organização não-governamental de defesa dos direitos humanos, não está convencida com a informação de que o Comité Olímpico Internacional conversou em videochamada com a tenista Peng Shuai, cuja situação tem sido seguida atentamente um pouco por todo o Mundo nas últimas semanas.

“Consideramos que o COI está a entrar em águas turbulentas. Devem ser cuidadosos e não participar em qualquer tipo de tentativa de lavagem de imagem da China nesta situação de possível violação de direitos humanos”, pode ler-se no comunicado da Amnistia, prontamente difundido pelas redações de todo o Mundo.

O COI, recorde-se, vai organizar os Jogos Olímpicos de Inverno em Pequim, no início do próximo ano, pelo que um escândalo a envolver a China é a última coisa que desejariam…

  • Categorias:
  • WTA
José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.